Obá

obaobá

Senhora do rio Obá, na Nigéria, patrocinadora de conflitos, energia que se desenvolve nos coriscos dizem que esse poder foi lhe dado por Xangô. Guerreira, considerada até como se fosse uma Iansã velha. Na natureza, ela é a regente dos seguintes fenômenos às enchentes, cheias dos rios, inundações, coriscos, tem ligação com energia elétrica. É poderosa, sábia, madura e realista.

Com os seres humanos, Obá comanda a desilusão amorosa, sentimentos de perda, ciúmes, e a incapacidade do ser humano em ter aquilo que ama e deseja.

Embora a lenda diga que o Orixá Obá é uma guerreira, vencedora, ela consegue seu encantamento nas desilusões e frustrações, na derrota. Ela age em cima da raiva, da solidão, depressão, è o sentimento de abandono. A frustração dos homens

Obá foi enganada por Oxum, que a levou a corta sua própria orelha para preparar um amalá para oferecer a Xangô, Ele, num gesto de repugnância, expulsou-a de seu reino. Ficando essa dor esse abandono essa falta de esperança que marcaram sua característica. “Essa agitação de sentimentos indevidamente mexidos e afetados por algo maldoso.” “Obá é o desabafo”.

Mitologia;

Quando Xangô expulsou do seu reino, ela transformou-se em uma guerreira perigosa e poderosa. Que vence todos os seus opositores com destreza e facilidade. Obá possui grande beleza física, que, aliada à sua determinação, coragem e equilíbrio, faz dela uma pessoa especial.

É uma guerreira, orixá de frente companheira de bará, traz consigo a navalha e o punhal, muito crédula, têm quizila com Oxum por causa de Xangô é a dona do corte e bem recorrida no batuque.

Obá Adjuntos com Bará Lodê; ou Lanã ou Adagui;

                       com Xangô Aganjú;

                      com Xapanã Jubeteí ou Sapata.

Animais: quatro pés ; cabrita mocha clara.

Aves: meio quatro pés; angolistas fêmeas e galinhas cinza ou amarela clarinha.

Números: sete (07) ou múltiplos.                                

Cor: Rosa.

Dia: Segunda feira.

Guias: toda rosa

Saudação:     Echô

Oferendas: milho cozido, feijão fradinho, ambos descascados e macerados com tempero verde e abacaxi.

Ferramentas: navalha, timão, roda, leme, búzio e moedas.

Ervas: tangerina, macieira roseiras e rosas rosa.

Frutas:  abacaxi, romã, banana da terra, framboesa, manga rosa.

Sincretismo; Obá é Santa Catarina*